Arie Halpern: caminhões e ônibus autônomos chegarão antes dos carros

Para Arie Halpern, caminhões e ônibus autônomos estão perto de se tornar realidade

Para Arie Halpern, caminhões e ônibus autônomos estão perto de se tornar realidade

Os carros autônomos, desenvolvidos por grandes companhias como Google, Tesla, BMW e Uber, chegaram ao Salão do Automóvel em Paris. Até 2030, anuncia-se, estarão circulando pelas ruas. O mercado preconiza, no entanto, que, antes disso, terão assumido a liderança dessa corrida tecnológica os caminhões e os ônibus. Segundo o economista e empreendedor com foco em inovação e tecnologias disruptivas Arie Halpern, caminhões e ônibus, como os que estão sendo testados pela Volvo e a Mercedes-Benz, poderão trazer benefícios financeiros e ecológicos que aumentarão a viabilidade de produção deles.

Na cidade de Lyon, na França, ônibus autônomos se tornaram realidade no mês passado. Lá, dois micro-ônibus elétricos com capacidade para 15 passageiros fazem um trajeto de 10 minutos com cinco paradas pelo centro da cidade, a uma velocidade média de 10 km/h. Veículos semelhantes também estão sendo testados na Suíça e em Dubai. Outro ônibus, o EZ10 da EasyMiles, é utilizado desde o ano passado na Suíça para levar passageiros de um dos pontos de metrô da cidade para diversos pontos da Faculdade Politécnica Federal de Lausana.

“Com os testes que estão ocorrendo, ônibus e caminhões autônomos estão muito mais perto de chegar às ruas e às pessoas do que os carros autônomos”, explica Arie Halpern. Há duas razões para isso, segundo estudo do portal Business Insider. O primeiro é decorrente da tecnologia utilizada. É mais fácil construir tecnologias autônomas para estradas e faixas especiais, porque não são tantos os obstáculos pelo caminho (outros veículos, semáforos etc.). O segundo motivo é que os caminhões acabam gerando um melhor custo benefício para as empresas, em termos de gastos adicionais com os lasers e sensores necessários para que ele funcione autonomamente.

A presença desses veículos grandes nas ruas e estradas também pode ser benéfica para o meio ambiente. Muitos desses modelos estão sendo construídos com combustíveis alternativos, como energia elétrica, e, mesmo se movidos a gasolina, o consumo desse combustível tende a ser menor, porque o sistema tecnológico utilizado melhora a performance dos motores.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *