Construindo confiança alimentar

Para quem possui restrições alimentares ou tem uma dieta regrada, contar calorias é um fardo inescapável. Para tornar essa tarefa mais leve, a startup canadense Tellspec criou um scanner alimentar que permite saber o valor nutricional de cada alimento com apenas um clique.

A CEO da empresa, Isabel Hoffmann, desenvolveu um scanner portátil para calcular calorias após passar por problemas com sua filha pré-diabética que precisava contar o valor nutricional de cada alimento e não conseguia um número exato.

O aparelho, que cabe na palma da mão, faz uma análise de como a matéria interage com diferentes comprimentos de onda da luz e pode rapidamente determinar os compostos químicos em um dado alimento, por meio de um processo chamado através da espectroscopia.

Veja o funcionamento

Para usar o dispositivo, é preciso estar conectado a um aparelho celular e ter instalado os aplicativos (disponíveis para Android e IOS) associados ao scanner.

Há 5 tipos de aplicativos:

  • FruitQC: testa a qualidade, maturação e o sabor das frutas frescas, além de analisar a quantidade de acidez e vitamina C.
  • FishQC & Fraud: analisa a qualidade, frescor, autenticidade do peixe branco cru, a quantidade de proteínas, gordura e até o excesso de água congelada dentro do animal.
  • TellMelamine: testa a adulteção de melamina do leite em pó.
  • Tellspecopedia: pesquisa os ingredientes ou componentes presentes nos rótulos dos alimentos e calcula o impacto deles na sua saúde.
  • Gluten Flour Adulteration: testa alguma possível adulteração da farinha de glúten com ureia e/ou melamina.

Além de ajudar os consumidores dos alimentos, a empresa ainda oferece trabalhos de inteligência artificial, como o Data Collection, para os produtores e laboratórios especializados. Os dados coletados pelos usuários são correlacionados com laboratórios e produtores de alimento com o objetivo de reduzir os custos associados ao desperdício e de testes químicos e industriais.

O dispositivo vencedor de 5 prêmios internacionais em categorias de inovação tecnológica em saúde e ajuda humanitária custa em torno de $2.000,00 e está disponível no site: http://tellspec.com/en/

Para Arie Halpern, algumas pessoas se perguntam se esse não seria um mundo excessivamente tecnológico em que dispositivos, scanners e aplicativos nos dizem o que comer e fazer, mas para ele, essas tecnologias nos trazem os benefícios de finalmente saber o que comemos e quais ingredientes levam a consequências positivas e negativas.

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *