Atualização do Whatsapp inclui criptografia

Tela de smartphone com ícone do WhatsApp

Uma grande vitória para a privacidade e a liberdade de expressão. Foi assim que a Anistia Internacional classificou o anúncio do Whatsapp sobre a decisão de adicionar a “criptografia de ponta a ponta” na nova atualização do serviço. Na prática, isso significa que apenas as pessoas inseridas na conversa poderão ler a mensagem trocada entre remetentes, impossibilitando que outros indivíduos ou companhias acessem a mensagem de texto, voz e outros arquivos. Além de proteger a privacidade do usuário, o serviço se certifica de resguardar o Facebook, empresa que desenvolve o aplicativo e que, recentemente, se envolveu em algumas polêmicas no Brasil e nos Estados Unidos.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *