Dubai anuncia o primeiro robô policial

A polícia de Dubai anunciou que vai usar um robô como reforço para ajudar na segurança da cidade dos Emirados Árabes. O novo funcionário está longe de se parecer com a versão do Robocop dos filmes de Paul Verhoeven, mas ele pode representar um avanço e tanto para o policiamento local.

A máquina desenvolvida pela Pal Robotics será encontrada em locais de bastante tráfego, como shoppings e pontos turísticos. Uma tela touchscreen embutida no peito do robô poderá ser acessada pela pessoas para relatar crimes, pagar multas e conseguir informações.

Segundo o comunicado oficial, o robô terá câmeras embutidas que transmitirão rapidamente qualquer sinal de alerta para o centro de comando policial. Além disto, o diretor de serviços inteligentes da polícia de Dubai, Brig Al Razooqi, promete colocar em prática um sistema de reconhecimento facial nas próximas atualizações da tecnologia.

O robô compreende os idiomas inglês, russo, chinês francês e espanhol, além, claro, da língua árabe. Ele mede 1,70 m, pesa 100 kg e tem bateria com duração de 8 horas ininterruptas.

Os planos da polícia de Dubai não param por aí. O comunicado aponta planos de, em dois anos, colocar nas ruas um lote de robôs prontos para combater crimes e delitos efetivamente. Para isto, serão criadas máquinas de 3 metros de altura com capacidade de atingir velocidade máxima de até 80 quilômetros por hora. Esses robôs, no entanto, terão que ser controlados por um oficial capacitado.

Outra ideia é um robô em formato de ovo que irá atuar em estacionamentos a fim de emitir avisos de violação de trânsito.

O objetivo da prefeitura de Dubai é ter cerca de 25% da força policial utilizando tecnologia robótica até o ano de 2030. “Nós não vamos demitir nossos policiais para substituí-los por estas ferramentas, mas com o crescimento da população de Dubai queremos realocar policiais em áreas estratégicas para melhorar o combate ao crime”, explica Razooqi.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *