Arie Halpern: máquina do Google vence o campeão europeu de Go

Inteligência Artificial é o nome do jogo em que gigantes da tecnologia como Google, Facebook e Microsoft têm se enfrentado. O lance mais recente nessa guerra de inovações foi a notícia de que uma máquina do Google, equipada com tecnologias que permitem aprender com a experiência, venceu um grande-mestre humano numa partida de Go, um jogo de estratégia muitissimo mais complexo do que o xadrez. O sistema usado pelo Google atende pelo nome de AlphaGo.

Os sistemas de IA se baseiam em redes de hard e software cuja estrutura é inspirada nas redes neurais humanas. Serviços de reconhecimento de imagem e de voz utilizam essas tecnologias. Para aperfeiçoar esses sistemas, os laboratórios desenvolveram um processo chamado de reforço do aprendizado. Máquinas dotadas de IA interagem e aprendem umas com as outras. Por exemplo, disputando jogos de estratégia entre si e registrando os processos mais bem sucedidos.

Foi com esse arsenal, adquirido em um longo treinamento, que a máquina AlphaGo do Google venceu Fan Hui, campeão europeu de Go, em cinco partidas sucessivas. O torneio foi em outubro, mas a notícia só agora foi divulgada. O próximo passo do AlphaGo é desafiar outro campeão de Go, Lee Sedol, ranqueado entre os top 5 do mundo. A disputa será em março.

O desenvolvimento de sistemas de inteligência artificial abre imensas possibilidades, para o bem e para o mal. Segundo reportagem da revista Wired, uma das preocupações dos estudiosos da matéria é que essas tecnologias de aprendizagem pelas máquinas ultrapassem certos limites, como levá-las ao ponto em que possam se recusar a ser desligadas. Como não lembrar o filme 2001: Uma Odisséia no Espaço, o clássico de Stanley Kubrick?


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *