Samsung lança aparelho para rastrear pessoas e objetos

A sul-coreana Samsung anunciou que lançará em breve um aparelho feito para quem costuma perder as coisas: um pequeno e leve dispositivo de rastreamento GPS que pode ser facilmente conectado a mochilas, chaves, coleiras de animais de estimação e muito mais. Com ele, usuários poderão acompanhar com mais rapidez e precisão os itens mais valiosos que possuem.

Batizado de SmartThings Tracker, o pequeno aparelho tem 5 cm e possui uma bateria poderosa que garante o funcionamento do dispositivo por até uma semana com apenas uma carga. O rastreador possui certificação IP68, própria para produtos resistentes a água e infiltrações de poeira.

O funcionamento do aparelho se dá por meio de um aplicativo da própria fabricante, o SmartThings. Com o app instalado no celular ou tablet, o usuário consegue acompanhar o paradeiro do objeto acoplado ao SmartThings Tracker. Além de rastrear coisas importantes, o dispositivo  pode ser usado por membros da família para informar um ao outro sobre seu paradeiro, tudo por meio do app. Para receber o sinal GPS do dispositivo, o usuário precisa necessariamente estar conectado a uma rede de internet.

SK Kim, diretor sênior de marketing de produtos da Samsung Electronics America, disse que o dispositivo ajudará as famílias a terem uma vida conectada, dando-lhes experiências significativas quando se trata de suas vidas cotidianas. O dispositivo pode ser essencial para evitar o desaparecimento de animais de estimação e até de crianças.

O lançamento do produto está programado para o final deste mês. Segundo a fabricante, o valor do aparelho deverá ser de US$ 100,00 (ou R$ 414,00) já incluindo um plano de dados de um ano. Infelizmente, a fabricante ainda não anunciou a chegada do produto ao Brasil.

Para Arie Halpern, economista e especialista em tecnologias disruptivas, o produto é mais um facilitador tecnológico que, de maneira simples, consegue apresentar um grande impacto na vida das pessoas. “O dispositivo promete mudar a vida de quem vive com a cabeça na lua, mas não vai adiantar muito se o “esquecido” perder o celular – pois não conseguirá usar o app para rastreá-lo”, brinca Arie.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *