Startup desenvolveu algoritmo que detecta câncer de mama

Algoritmo desenvolvido por startup pode detectar câncer de mama

Algoritmo desenvolvido por startup pode detectar câncer de mama

A startup israelense Zebra Medical Vision, de tecnologia digital de saúde, desenvolveu um algoritmo que tem o potencial de melhoras as chances de identificação do câncer de mama, segundo o portal Business Insider. O algoritmo, ao analisar centenas de mamografias, identifica sinais precoces da doença a partir de uma tecnologia de inteligência artificial chamada aprendizado de máquina. Segundo a empresa, o método se mostrou mais eficaz do que a detecção feita por radiologistas, identificando metade dos casos da doença que não haviam sido notados pelos profissionais humanos.

“Há muito ruído de fundo nas mamografias”, explica Eldad Elnekave, chefe do setor médico da Zebra, ao portal. “Seios podem ser densos, podem não ser densos, podem ter implantes etc. Existem tantas possibilidades que encontrar um câncer de mama real é um desafio. Podemos utilizar o grande banco de dados de mamografia que existe. Nós temos 344 mil estudos sobre o câncer de mama em hospitais.”

O pesquisador principal por trás do projeto, Phil Teare, começou a trabalhar no projeto após sua mulher falecer devido à doença. Ele estudou sobre o aprendizado de máquinas sozinho para que pudesse fazer com que as máquinas ajudassem na batalha contra o câncer de mama, explica o portal Business Wire.

A Zebra Medical Vision foi fundada em 2014, com o apoio do bilionário Marc Benioff, que investiu US$ 20 milhões na startup de Tel Aviv. Buscando desenvolver novos projetos, a empresa fechou uma parceria com a Dell Services e recebeu investimentos da empresa de saúde Intermountain Healthcare.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *