Startup faz tatuagem que emite sons

Grupo Skin Motion lança tatuagens capazes de reproduzir sons, com ajuda de aplicativo

Consegue imaginar registrar na pele a voz de uma pessoa querida dizendo “eu te amo”? Ou então o latido do cão que te acompanhou por tantos anos de vida? A Skin Motion fez isso ser possível. A partir de uma gravação de áudio, o aplicativo desenvolvido pela startup cria o desenho das ondas sonoras para ficar marcado na pele.

A soundwave tattoo pode ter até um minuto de duração e funciona assim: você carrega o áudio que quiser no aplicativo, a Soundwave transforma o som em uma tatuagem e a envia para o tatuador cadastrado.  Assim que a tatuagem é feita, uma foto deve ser enviada para a plataforma, que irá processar o áudio combinado com o desenho.

A ideia para o projeto, segundo conta Nate Siggard no site oficial, nasceu de uma outra tatuagem. Ao riscar na pele o trecho que abre a canção “Tiny Dancer”, de Elton John, sua esposa Juliana comentou que seria legal se Nate pudesse ouvir a tatuagem. Ele não só adorou a ideia como a colocou em prática. A estreia foi do filho e da mulher dizendo “eu te amo”. “Eu postei o vídeo no Facebook e imediatamente viralizou”, conta ele, que logo depois patenteou a ideia.

A Skin Motion busca parcerias com tatuadores ao redor do mundo que queiram virar membros do Soundwave Tattoo Artist Network. Com isso, a empresa quer ensinar aos artistas as técnicas necessárias para que o desenho se mantenha ao longo do tempo. Por se tratar de uma tatuagem bem delicada, a empresa coloca como restrição áreas do corpo com muito pelo.

Para aqueles que já têm tatuada uma onda sonora no corpo, a empresa está trabalhando para que o app possa reconhecer esse desenho também.

Previsão de lançamento: junho. 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *