Startup utiliza varinha de Harry Potter para ensinar programação a jovens

Há muitos anos a franquia Harry Potter é usada no meio educacional para atrair a atenção de jovens. O uso mais recente da saga do bruxo foi em um produto da  startup londrina Kano, que produziu uma varinha sem fio para ajudar crianças e adolescentes a aprender noções básicas de codificação.

Por meio de um aplicativo que conecta a varinha com computadores e tablets, o usuário consegue, com uma interface simples, montar um código referente a uma “magia” presente em um dos livros da saga. Apesar de a interface ser bem descomplicada, ela reflete as mesmas mecânicas de programação tradicionais de um computador. Uma vez montado o código, o usuário pode testá-lo com a varinha diretamente na tela do dispositivo: a varinha funciona como um cursor e seu movimento vai modificando objetos na tela, aumentando-os, diminuindo-os ou fazendo-os levitar.

A Kano desenvolveu mais de 70 desafios de codificação no aplicativo para que as crianças aprendam sobre programação de modo efetivo. Segundo a empresa, apresentar as técnicas de programação em forma de problemas ajuda a criança a memorizar os procedimentos.

A varinha em si é equipada com um giroscópio, acelerômetro e magnetômetro para rastrear seu movimento no espaço 3D. Ela também possui botões, como os do mouse, para maior interação dos usuários. No futuro, a Kano espera que a varinha possa se conectar com outros objetos tecnológicos, como TVs e eletrodomésticos, para que os fãs de Harry Potter possam usar as varinhas em tarefas domésticas.

Veja o funcionamento da varinha

Todas as varinhas são compatíveis com tablets iOS ou Android, bem como com computadores Windows ou Mac. Atualmente, o produto está disponível apenas para pré-encomenda por £ 99,99 / US $ 99,99 e começará a ser vendido nos EUA, Canadá, Reino Unido, Austrália e Nova Zelândia em 1º de outubro de 2018.

Para Arie Halpern, é extremamente importante combinar cultura e educação como forma de atrair o interesse das crianças. “Assim como a saga Harry Potter foi fundamental para inserir milhões de crianças no mundo da leitura, seu uso no meio educacional pode ser fundamental, sobretudo quando se trata de programação. Não importa qual profissão a criança irá escolher no futuro, muito provavelmente ela terá um relacionamento próximo com máquinas, robôs e inteligência artificial, por isso é importante expor a criança desde cedo ao mundo da programação.

Veja também: Crianças devem começar já a aprender programação


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *