Tap lança teclado com anéis que substituem teclas

A Tap System, startup de tecnologia, acaba de lançar um teclado sem letras nem botões. À primeira vista, é difícil de entender a sua funcionalidade, mas essa inovação tecnológica promete revolucionar a maneira como nos comunicamos com as máquinas. O Tap é composto por cinco anéis interligados que são fixados em cada um dos cinco dedos da mão. Ele pode ser utilizado como teclado, mouse e até mesmo controle de games.

Como funciona?

O Tap tem sensores para cada um dos cinco dedos. Quando a pessoa que o utiliza toca em uma superfície relativamente sólida, ele consegue dizer quais dedos estão em contato e transforma esses movimentos em entrada de texto. Um único toque é uma vogal e combinações de dedos criam as outras letras. Como teclado, o aparelho pode se conectar via bluetooh com qualquer smartphone.

Utilizando o aplicativo TapGenius, é possível entender o funcionamento desta nova tecnologia rapidamente. O app divide o alfabeto em um sistema de aprendizado fácil de memorizar e permite digitação e controle com o toque rápido. Ele também usa dicas musicais e visuais para ajudar a memorizar cada “conjunto de toque”. O TapGenius está disponível para os sistemas iOS e Android.

“O Tap representa uma maneira totalmente nova de interagir com o mundo digital”, disse Dovid Schick, CEO e fundador da Tap Systems, em entrevista ao Interesting Engineering. “Digitar é um movimento humano rápido, preciso e natural, e desenvolvemos a tecnologia certa para aproveitar essa capacidade de transformar qualquer superfície em um teclado, mouse ou controlador de jogo”.

“É incrível ver pessoas usando o Tap pela primeira vez”, disse Sabrina Kemeny, co-fundadora da Tap Systems. “Eles sabem imediatamente que esta é a tecnologia de entrada do futuro. É uma sensação de estar livre de se curvar sobre o teclado ou de segurar o telefone nos olhos. O Tap torna a interação com seus telefones e dispositivos digitais uma experiência orgânica mais natural”.

Especialista em inovação e tecnologias disruptivas, o empresário Arie Halpern considera o projeto muito promissor, embora reconheça os desafios de sua introdução no mercado. “Velhos hábitos são difíceis de mudar, e a introdução de uma nova forma de digitação, na qual algumas letras ou números precisam do toque simultâneo de vários dedos, é como um processo de alfabetização em uma nova língua”, avalia. “Talvez este projeto ajude a introduzir uma tecnologia realmente interessante, cuja melhor maneira de utilização ainda está por ser descoberta” – destaca Halpern.

Leia também: Como a tecnologia está transformando a prática de exercícios?


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *