Tecnologia para a longevidade

Quinze trilhões de dólares (US$ 15 trilhões): esta é a estimativa do poder de compra das pessoas com mais de 60 anos em 2020, segundo o Euromonitor.

Recentemente, uma campanha publicitária do aplicativo Lumen veiculada no metrô de Londres ganhou notoriedade. Nela, três homens e três mulheres apareciam nus segurando placas com mensagens como: “Você nos vê agora?”. O objetivo, segundo a empresa, era chamar a atenção para o preconceito ligado ao envelhecimento.

O lumen é um aplicativo de relacionamentos exclusivo para pessoas com mais de 50 anos. A partir de dados pessoais, o algoritmo seleciona pessoas com interesses comuns e reúne casais com muita história para contar.

 “Hoje, diversas empresas se dedicam a desenvolver produtos e serviços para esta fatia de mercado em rápida expansão”, destaca o empresário especialista em tecnologias disruptivas Arie Halpern.

 Idosos conectados

 Governos estudam políticas voltadas para a melhor idade e a medicina também caminha nessa direção. E novas tecnologias com foco em saúde e cuidados já estão disponíveis.

Mas além de governos, empresas, médicos e cientistas, o empenho de cada indivíduo é essencial para viver mais e melhor. Por isso, a cada dia surgem novos aplicativos para ajudar nas atividades e cuidados diários que melhoram a qualidade de vida. Conheça alguns deles:

 waterlogged.com – a desidratação é um problema grave que pode levar à morte. Acomete frequentemente pessoas com mais idade não só porque se esquecem de ingerir líquidos, mas também por causa de algumas medicações que reduzem a absorção de água pelo organismo. A partir do peso e altura da pessoa, o app calcula a quantidade de líquidos diária e monitora a ingestão, gera gráfico pelo período desejado e permite criar alertas.

MindMate – reúne jogos de memória e atenção desenvolvidos especificamente para pessoas com mais idade. Estimula o raciocínio, reduzindo o risco de perda cognitiva. Além disto, oferece orientações nutricionais e a possibilidade de registrar informações pessoais.

Instantheartrate.com – o aplicativo mede o ritmo do coração a partir do toque do dedo na câmera do smartphone. Monitorar os batimentos cardíacos é importante para identificar imediatamente qualquer alteração e prevenir problemas de saúde mais graves.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *