Uber pretende lançar carro voador em 2020

Se depender da Uber, os tão sonhados carro-voadores que marcam presença nos filmes de ficção científica logo estarão no mercado. A multinacional americana anunciou que Los Angeles, Dallas-Fort Worth e Dubai serão as primeiras cidades a receberem o UberAir, uma nova modalidade táxis aéreos da companhia – o que deve ocorrer até 2020.

Com o selo Uber Elevate, a multinacional americana vem desenvolvendo, desde 2016, protótipos de veículos capazes de decolar e pousar verticalmente (VTOL, sigla em inglês para vertical takeoff and landing). As primeiras imagens, na verdade, lembram mais um drone gigante do que um carro.

O projeto enfrenta obstáculos significativos. O tipo de aeronave que a Uber quer usar para transportar passageiros de telhado a telhado – um VTOL elétrico e autônomo – ainda não existe, nem a infraestrutura para dar suporte a tal veículo.

Problemas de regulamentação do espaço aéreo também devem surgir: assim como a humanidade precisou regulamentar o espaço marinho para orientar as navegações, será necessária uma revisão das regulações do espaço aéreo hoje existentes para que os VTOLs possam circular.

Em 2017, a NASA entrou como parceira no projeto e está realizando simulações sobre como uma rede de compartilhamento de VTOLs deverá se comportar. As descobertas ajudarão a orientar a criação de padrões e regras para o setor. As empresas esperam que as viagens comerciais estejam disponíveis até 2023. Os passeios serão reservados pelo aplicativo da Uber.

Confira este projeto no video:

Centros de Pesquisa

Com centros de pesquisa e desenvolvimento situados em Pittburgh, Toronto e São Francisco, a Uber anunciou recentemente um novo Centro de Tecnologia Avançado em Paris, o primeiro na Europa. O investimento foi de 20 milhões de euros.

“Quase uma década atrás, a ideia do Uber do surgiu com a nossa necessidade de conseguir uma carona em uma noite fria em Paris”, disse Eric Allison, chefe de aviação da Elevate. “Com engenheiros de primeira classe e grande destaque em aviação global, a França é o lugar ideal para avançarmos com nossas ideias e inovações tecnológicas”, concluiu Dara Khosrowshahi, chefe-executivo do Uber, em entrevista ao The Guardian.

Leia também: Já chegou ao mercado o primeiro carro voador do mundo


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *